18 de mar de 2013

Pena que faltou angu

Certa vez, um homem da roça resolveu preparar uma festa de casamento da sua filha. Ele queria uma festa boa mesmo, para ninguém por defeito.

Contratou as melhores cozinheiras da região e lhes pediu que fizessem do melhor. Da minha parte, disse ele, eu providencio tudo o que vocês pedirem.

Elas se dedicaram. Uns minutos antes da festa, ele foi ao local verificar como estava. Havia frango ao molho, carne de vaca, de porco, de cabrito, peixe, arroz, feijão, quibebe... Para a sobremesa havia doce de abóbora, de mamão, de batata, de leite... tudo.

A cozinheira chefe falou para ele: “Só não fizemos angu”. Ele respondeu: “Não tem importância. Com tantos pratos gostosos, ninguém vai sentir falta do angu”.

Quando terminou a festa, o sitiante ouviu várias pessoas comentando: “Que festa mais boa, só faltou angu.”. Todas as famílias que iam saindo, só comentavam sobre a falta do angu.

Há pessoas que gostam de destacar o lado negativo das pessoas e coisas. No meio de tantas qualidades, se existe um defeito, é justamente deste que se fala.

Vamos ser otimistas e destacar o lado positivo. Assim nós animamos as pessoas a continuarem na luta.

Maria Santíssima gostava de festas. Ela não só participava, mas ajudavam nas festas. Veja as Bodas de Caná. A transformação da água em vinho foi para que a falta de vinho não estragasse a festa.



Adaptação: Pe. Queiroz

www.a12.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!