1 de set de 2015

Afetividade e sexualidade de crianças e adolescentes


Uma das mesas redondas que acontecerão no ENEC é sobre afetividade e sexualidade de crianças e adolescentes. Imperdível!

Afetividade e sexualidade: desafios e contribuições para os trabalhos que envolvem o tema na evangelização de crianças e adolescentes.

Quais realidades sobre esta temática dentro do Ministério Para Crianças? O que temos realizado? O que é a ideologia de gênero? Como abordar questões sobre a atração pelo mesmo sexo e por ambos os sexos? Por que há um grande número de processos de nulidade matrimonial que envolvem pessoas da RCC? Como forma de responder tais perguntas, apresentaremos alguns aspectos teóricos e práticos, baseado em informações científicas, documentos da nossa Igreja, incluindo as catequeses da Teologia do Corpo, dentre outras fontes, bem como apresentação de testemunhos.

Componentes da mesa redonda:

Aparecido José Santana – Graduado em Administração e Direito, Pós-graduado em Metodologia e Didática de Ensino, Mestre em Direito Canônico pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma, doutorando em Direito Canônico pela Universidade Católica da Argentina, cidade de Buenos Aires. Professor de Filosofia, Sociologia, Ensino Religioso. Juiz do Tribunal Eclesiástico Interdiocesano de São José do Rio Preto. Participa da RCC há 34 anos, foi coordenador diocesano de Foz do Iguaçu-PR, atualmente coordenador de São José do Rio Preto/SP, membro da Comissão Nacional para Estatutos.

Iacy Batista Garcia – Farmacêutica, Pedagoga, Pós-graduada em Educação Sexual. Monitora Teen Star. Consultora, palestrante e oficineira em projetos para afetividade e sexualidade em ambientes e âmbitos religiosos e seculares. Auxilia nas questões referentes à temática no Ministério para Crianças RCC. Integrante do núcleo do Grupo de Oração Universitário São João Batista, Ministério Universidades Renovadas RCC.

Matheus Henrique Gomes Monteiro - Bacharel e mestre em Filosofia e, desde 2009, é membro do Apostolado Courage, que atende pessoas que sentem atração pelo mesmo sexo, dando-lhes apoio pastoral e espiritual conforme a doutrina da Igreja Católica, para que vivam segundo a sua dignidade de filhos e filhas de Deus.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!