1 de jun de 2010

DE NOVO... VIROU VÍCIO.



DE NOVO? É DE COÇAR A BARBA. MAS, QUER SABER: É BOM!
Novamente os do mundo chegam com mesmo discurso de sempre: “a Igreja fez isso!”. “O papa fez aquilo!” Já deixou de ser ódio para se tornar vício. As pessoas estão mentalmente viciadas em falar mal da Igreja, do papa, dos Padres e dos fundadores. Até aí não tem problema. O próprio Jesus disse que seria assim. O mundo não nos odeia primeiro. Antes, odeia a Jesus.
Porém, o que me faz coçar a barba são os ditos e benditos cristãos ficarem em dúvida após escutarem a mocinha bonitinha da emissora pagã falando mal de nossa Fé Católica. Isso deve doer no já chagado coração de Jesus. De novo a mesma ladainha. Um povo que não quer deixar uma vida de pecado faz de tudo para se justificar atacando a Igreja, ao Papa e a nós, leigos.
Mas quer saber: é bom. O próprio mundo está separando o joio do trigo. Deus não está fazendo força alguma. A “auto-separação” já está acontecendo. E dentro da Igreja. Os de pensamento do mundo estão se confrontando com os de “pensamento de Cristo”.
E mais uma vez o mundo vai se levantar com a mesma ferida de morte. E isso é bom, apesar de certos flagelos e perseguições. É bom que se discuta aborto, casamento de pessoas do mesmo sexo, “descrucificação” das repartições públicas, padres pedófilos. Só assim os filhos da luz poderão se manifestar. Aquilo que é crime deve ser punido. E o que é Glória de Deus deve brilhar nos fiéis. A Glória não é nossa. É de Deus. E esta Glória não será esvaziada pela multidão dos perseguidores. O número de cristão daqui a pouco nem mais importará. O que vai “contar ponto” é a fidelidade dos que insistem em permanecer com Deus até o fim.
O Senhor chamou a todos, mas, salvou a muitos. Nem todos quiseram seguir ao Mestre. E, ao que tudo indica estes pequenos focos de cristãos que crêem na Salvação já passam pelas perseguições dos “últimos dias”. Um prólogo da abertura dos selos do livro da vida.
As taças se derramam e os sangues dos mártires nos serão vias de fidelidade. Louvemos pelas perseguições em casa, no trabalho, na própria Igreja. A Fidelidade deve ser comprovada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!