24 de set de 2010

Papa Bento XVI fala às crianças

Queridas crianças,
Queridos professores, queridos pais,
Queridos amigos,

Bem-vindos aqui, ao Palácio, à casa do Papa. Estou muito feliz de acolher-vos finalmente, e de ver esta Escola Pontifícia Paulo VI das Irmãs Mestras Pias Filipinas, para estar convosco ao menos por um momento. Espiritualmente, estamos sempre juntos, aqui, nesta bela Castel Gandolfo, mas agora também posso ver-vos, e estou muito feliz.

Queridas crianças, vós ides à escola, aprendeis naturalmente, e eu lembrei que já faz 77 anos que eu comecei a ir à escola. Era um pequeno país de 300 almas, um pó "atrás da lua", se diria; todavia, aprendemos o essencial. Aprendemos sobretudo a ler e escrever, e penso que seja algo de grande escrever e ler, porque assim podemos conhecer o pensamento de outros, ler os jornais, os livros; podemos conhecer o que se escreveu há dois mil anos atrás ou ainda mais anteriormente; podemos conhecer os conteúdos espirituais do mundo e nos comunicar com eles; e, sobretudo, há uma coisa extraordinária: Deus escreveu um livro, isto é, falou a nós, os homens, e encontrou pessoas que escreveram o livro com a Palavra de Deus, de tal forma que, lendo-o, podemos também ler algo do que Deus disse a nós. E isto é muito importante: na escola aprender todas as coisas necessárias para a vida e aprender também a conhecer a Deus, conhecer Jesus e, assim, conhecer como se vive bem. Vós encontrais na escola muitos amigos, e isso é belo; assim, forma-se uma grande família. Mas entre os grandes amigos, o primeiro que encontramos, que conhecemos, deveria ser Jesus, que é amigo de todos e que nos dá realmente a estrada da vida.

Obrigado pela vossa presença, pela vossa alegria e desejo bons votos a todos.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!