24 de mar de 2015

A história da salvação

Pois também Cristo morreu uma vez pelos nossos pecados - o Justo pelos injustos - para nos conduzir a Deus. Padeceu a morte em sua carne, mas foi vivificado quanto ao espírito. 1Pe 5, 12

Toda casa tem uma porta e a casa de Deus, o Paraíso, também tem uma porta. Esta porta tem uma chave e a única pessoa que tem a chave dela é Jesus (mostrar uma chave dourada).

Eis o que diz o Santo e o Verdadeiro, aquele que tem a chave de Davi - que abre e ninguém pode fechar; que fecha e ninguém pode abrir. (Apocalipse 3, 7)

Tudo começou assim: Deus criou o mundo, criou você e eu. Criou-nos para vivermos felizes! Ele criou Adão e Eva e pediu para que eles tomassem conta do lindo jardim que Ele fez. Disse a eles que poderiam comer qualquer fruto, de qualquer árvore do jardim, menos de uma. Mas Adão e Eva desobedeceram e comeram o fruto da única árvore que eles não poderiam comer (mostrar um fruto). Por eles terem desobedecido, eles ficaram com o coração sujo pelo pecado (mostrar um coração sujo) e tiveram que deixar o Paraíso. As portas do Paraíso se trancaram e ninguém mais poderia entrar. É que para entrar no Paraíso, o nosso coração precisa estar limpinho.
Só que Deus não queria que o Paraíso ficasse vazio, Ele queria que as pessoas voltassem para lá. Mas a única forma de limpar os corações das pessoas era com o sangue de alguém que nunca tinha pecado, nunca tinha desobedecido a Deus. A única pessoa que poderia fazer isso seria Jesus. Então Ele se ofereceu para morrer em nosso lugar e com seu sangue lavar o nossos corações. E Jesus morreu na cruz (mostrar uma cruz) por você e por mim, e nosso coração ficou limpinho (mostrar um coração limpo).

Jesus Cristo, testemunha fiel, primogênito dentre os mortos e soberano dos reis da terra. Àquele que nos ama, que nos lavou de nossos pecados no seu sangue (Apocalipse 1, 5)

Deus deu a Jesus a chave do Paraíso e Jesus abriu a porta para nós podermos entrar no Céu e ficarmos com Ele, com Deus Paizinho, com o Espírito Santo, com Maria, com José, com os anjinhos e os santos. Que festa!!! Sempre que o pecado sujar o nosso coração podemos pedir perdão a Deus e Ele, que é fiel e justo, nos purificará.

Se reconhecemos os nossos pecados, (Deus aí está) fiel e justo para nos perdoar os pecados e para nos purificar de toda iniquidade. (I São João 1, 9)

Atividade:

Faça pulseirinhas com as crianças: distribua pedaços de barbante ou fio de silicone de tamanho suficiente para fazer pulseirinhas. (Lembrando que tem que caber no pulso da criança e dar nó).
Use miçangas não muito pequenas para distribuir às crianças para que elas mesmas façam suas pulseirinhas nas seguintes cores: verde, branco, preto, vermelho e amarelo.

Deus criou um jardim lindo chamado Paraíso (miçanga verde) colocou o homem e a mulher para viverem neste jardim e deu a eles um coração limpinho, sem pecado nenhum (miçanga branca). Mas eles pecaram, desobedeceram a Deus e o coração deles ficou sujo (miçanga preta) e tiveram que ir embora do Paraíso. E ninguém mais pode entrar lá. Mas Jesus se ofereceu para morrer em nosso lugar e lavar nossos corações com Seu sangue (miçanga vermelha) para a gente poder entrar no Paraíso de novo. E Ele fez isso, Ele morreu por nós na cruz. Assim, Deus deu a Ele a chave do Paraíso e Jesus abriu a porta para nós, agora nós podemos viver no jardim de Deus com Ele (miçanga amarela representando a chave).

Dessa maneira eles gravam a história e têm a oportunidade de recontar quando alguém perguntar ou até mesmo quando eles olharem as pulseirinhas.


Um comentário:

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!