27 de abr de 2010

Passos de fé para a cura



O cristão não vive de moda, ele segue Aquele que faz novas todas as coisas. 

É importante que a gente cresça não só no avivamento, mas também no aprofundamento, precisamos da graça de perseverarmos até o fim. Para que a gente tenha essa graça é preciso que façamos um caminho seguro da nossa salvação.
“Chegaram a Jericó. Ao sair dali Jesus, seus discípulos e numerosa multidão, estava sentado à beira do caminho, mendigando, Bartimeu, que era cego, filho de Timeu. Sabendo que era Jesus de Nazaré, começou a gritar: "Jesus, filho de Davi, em compaixão de mim!" Muitos o repreendiam, para que se calasse, mas ele gritava ainda mais alto: "Filho de Davi, tem compaixão de mim!" Jesus parou e disse: "Chamai-o" Chamaram o cego, dizendo-lhe: "Coragem! Levanta-te, ele te chama." Lançando fora a capa, o cego ergueu-se dum salto e foi ter com ele. Jesus, tomando a palavra, perguntou-lhe: "Que queres que te faça? Rabôni, respondeu-lhe o cego, que eu veja! Jesus disse-lhe: Vai, a tua fé te salvou." No mesmo instante, ele recuperou a vista e foi seguindo Jesus pelo caminho” (Marcos 10,46-52).

Esse texto apresenta passos da nossa vida espiritual, do nosso encontro com Deus. Como aconteceu na vida de Bartimeu deve acontecer na minha vida e na sua.

O Evangelho de Marcos centraliza sua mensagem na obra redentora de Jesus. Quando São Marcos apresenta uma cura, ele faz questão de detalhar para que a gente possa aprender. Esse Evangelho é para aqueles que não querem somente receber uma graça de Deus, mas viver na graça de Deus.

Jericó era uma cidade fechada à graça de Deus, mas lá existia um homem chamado Bartimeu, que estava na marginalidade, sentado à beira do caminho mendigando. Quantos nas nossas cidades e nas nossas casas estão assim, na indigência. Mas como aconteceu como Bartimeu precisa acontecer com você.
Pare de ouvir o mundo e passe a ouvir a Deus. Pare de alimentar o medo, a insegurança ou a raiva, comece a ouvir a pregação do Evangelho, deixe as novelas, vá à Missa, ao grupo de oração para ser alimentado na sua fé.

Quando você está impregnado da graça de Deus você tem aversão pelas coisas do mundo. Alimente a sua fé, ande com pessoas que levam você para Deus, afaste das más companhias, procure a companhia de Jesus.

Adore ao Senhor, monsenhor Jonas diz: “Quem não adorar, não vai aguentar”. O consagrado que sai de comunidade é porque deixou de rezar. Começa deixando a vida de oração depois deixa todo o resto.

Quando você tiver a experiência, que a fé vai lhe dar pelo conhecimento de quem é Jesus, que para Ele nada impossível, aí ninguém lhe sustenta mais, você começa a colocar a fé em movimento, a fé exercitada se chama confiança.

Contemple o olhar de Jesus misericordioso e diga: Jesus eu confio em Vós.

Aquele homem [Bartimeu] começa a gritar, ele usa a única coisa boa que ele tinha, a voz. Eu não sei o que você tem de bom, mas comece a gritar: “Jesus tem piedade de mim, olha para mim”. Bartimeu começa a sair de si, e a se entregar completamente. Quando você está à procura da sua cura, Deus já está te curando.
'O Senhor tem o melhor preparado para você', diz Frei Josué
Foto: Daniel machado/CN

O que vem rápido, vai rápido. Enquanto você não estiver preparado Deus não lhe dará as graças. Sem a graça de Deus ninguém presta, só Deus é bom. Deus já lhe ouviu, quando seu coração descansar n’Ele, Deus fará tudo que você precisar.

Quando ele [Bartimeu] se decidiu confiar no Senhor, muitos o repreenderam para que ele se calasse, o diabo não vem diretamente a você que está com Deus, mas ele usa até de sua família para afastá-lo de Deus.
“Finalmente, irmãos, fortalecei-vos no Senhor, pelo seu soberano poder. Revesti-vos da armadura de Deus, para que possais resistir às ciladas do demônio. Pois não é contra homens de carne e sangue que temos de lutar, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal (espalhadas) nos ares. Tomai, por tanto, a armadura de Deus, para que possais resistir nos dias maus e manter-vos inabaláveis no cumprimento do vosso dever” (Efésios 6,10-13).

O que é uma cilada? É uma armadilha onde está um grande perigo. A grande cilada do demônio é essa: você lutar contra a pessoa. Não é contra seu irmão de comunidade que você tem que lutar, contra sua vocação, o demônio quer nos colocar uns contra os outros, ele quer que a gente tenha a raiva dos irmãos. Perdoe, ame e acolha. Separe o erro do errado, o pecado do pecador, peça a Deus que tenha misericórdia do pecador, mas não desista do chamado de Deus. Não caia nessa cilada.
É impossível que você reze de todo o coração e Deus não lhe atenda, não se deixe enganar.

O demônio quer nos humilhar dizendo que Deus não quer nos socorrer. Que Deus é esse que não lhe responde? Se ele existe por que tanta maldade nesse mundo? Nós sabemos que Deus não criou a maldade, mas isso é fruto do pecado. A maior vitória do diabo é quando você se sente cheio de razão e diz: “eu sirvo tanto a Deus e veja o que está acontecendo comigo?” 

Sozinho você desanima, mas Deus coloca irmãos para sustentar suas mãos, quando você mantiver suas mãos erguidas a vitória é sua e de sua família. É preciso manter-se firme na oração. 
O segredo não é desistir, é rezar, sua vitória será na presença de Deus. É impossível que o Senhor não haja na sua vida. 

Como Bartimeu não caiu na cilada do maligno, Jesus parou, e mandou chamá-lo. Quem mais foi usado pelo maligno para que você não se voltasse para Deus, vai ser aquele que Jesus vai usar para chamar você para Ele.

Quando tudo estiver difícil chegue diante da cruz e fale: “Jesus eu confio em Vós”.

Depois da batalha vem a vitória. Aquela mesma boca que falou: cale a boca, cego. Foi a que disse: “coragem, levanta-te, Ele te chama”.

Antes de ir até Jesus ele retira a capa de cego, ele joga fora aquela condição de cego. Joga fora essa paixão, esse relacionamento que não é de Deus. Joga fora esse cigarro, faz caridade, dê para a igreja esse dinheiro que você ia comprar drogas, joga fora as revistas pornográficas, jogue fora esse barzinho que tem na sua casa e faça um altar. Liberte-se.

Pergunte a Jesus qual a capa que você deve jogar fora. Talvez seja uma mágoa de seu pai, de sua mãe, daquela pessoa que você deu a vida por ela. Joga fora. Coragem, levanta-te!

Jesus está diante de você, agradeça. Cadê o medo, a tristeza, não existe mais, tudo passou. Jesus vai começar a falar diretamente contigo, você terá a graça de ouvi-Lo, e Ele diz: “que queres que eu te faça?” Tenha cuidado! Você está na presença de Jesus, mas ainda não está preparado, peça visão espiritual, um olhar novo, peça que Ele tire a cegueira espiritual.

“Raboni, eu quero ver”. E Jesus diz: “Vai tua fé te curou”. É o final de tudo? Não. Ele foi seguir o caminho de Jesus, ele não voltou para a vida velha, ele seguiu Jesus e se tornou um servidor de Deus. Nosso Senhor quer lhe dar essa graça hoje. Deseje de todo o coração e queira dar passos. O Senhor tem o melhor preparado para você.

Transcrição e adaptação: Willieny Isaias
ADQUIRA ESTA PALESTRA PELO TELEFONE:
(12) 3186 2600

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que a paz do Menininho Jesus esteja em coração! Obrigada pela visita e pelo seu comentário!

Obs: Se você escolher a opção Anônimo, no final não esqueça de colocar o seu nome! Abraço Fraterno!!