30 de abr de 2013

Cartão dobradura - Ascensão de Jesus



Molde 1

Molde 2

Materiais: 
- Papel cartão ou color set azul claro e azul escuro
- Tesoura
- Canetinhas (hidrocor) ou lápis de cor ou giz de cera
- Moldes 1 e 2 impressos

Montagem: 
1 -Pinte a figura de Jesus. 
2 - Marque o molde das nuvens sobre o papel cartão ou color set (a nuvem maior mais clara e a menor mais escura).
3 - Recorte a figura de Jesus e cole na nuvem maior.
4 - Faça dois cortes nas laterais da nuvem menor (onde tem a linha pontilhada) e dobre na linha pontilhada do meio (essa linha não é para ser cortada).
5 - Encaixe a nuvem maior com Jesus 
6 - Você também pode escrever uma mensagem ou versículo bíblico na nuvem menor antes de encaixar a outra nuvem.


"Assim é que está escrito, e assim era necessário que Cristo padecesse, mas que ressurgisse dos mortos ao terceiro dia.
E que em seu nome se pregasse a penitência e a remissão dos pecados a todas as nações, começando por Jerusalém.Vós sois as testemunhas de tudo isso.Eu vos mandarei o Prometido de meu Pai; entretanto, permanecei na cidade, até que sejais revestidos da força do alto. Depois os levou para Betânia e, levantando as mãos, os abençoou. Enquanto os abençoava, separou-se deles e foi arrebatado ao céu. Depois de o terem adorado, voltaram para Jerusalém com grande júbilo. E permaneciam no templo, louvando e bendizendo a Deus."
Lucas 24, 46-53

Para quem acha que criança vai à Igreja e não presta atenção em nada...




Rezemos por mais e santos sacerdotes!

29 de abr de 2013

A Cultura de Pentecostes


por Michelle Moran

Que a “Espiritualidade de Pentecostes” se propague pela Igreja para uma nova “Cultura de Pentecostes”
Durante o Pontificado de João Paulo II (maio de 2004) e de Bento XVI (setembro 2005), tem havido um forte encorajamento para que a Igreja propague a Cultura de Pentecostes. Obviamente este é um conceito amplo, com várias dimensões, mas, sem dúvida, este chamado encontra eco na Renovação Carismática. Por ocasião do 40º aniversário da RCC, o Cardeal Rylko, Presidente do Pontifício Conselho para os Leigos, falou sobre a experiência do batismo no Espírito ou efusão do Espírito. Ele disse que esta experiência, que é central para a Renovação Carismática e que tem envolvido milhões de católicos em todos os continentes, poderia ser o ponto de partida para a Cultura de Pentecostes.

A Graça de Pentecostes é uma Graça Missionária  
É, portanto, importante que abracemos o nosso mandato. Não fomos chamados apenas a ser pessoas que experimentaram um “Pentecostes pessoal”, que é obviamente muito importante, mas junto com essa experiência vem uma responsabilidade. Somos chamados a ser canais para as graças de Pentecostes na Igreja e no mundo. Quando o Espírito Santo desceu sobre os apóstolos no Cenáculo, todos ficaram cheios do Espírito Santo. Eles experimentaram não apenas uma renovação pessoal, mas foram também capacitados com dons tais como a oração em línguas / glossolalia e com coragem, o que lhes permitiu modificar poderosamente a cultura ao seu redor. Eles foram transformados e Pedro, que era um leigo sem instrução, foi capaz de convencer de tal forma as multidões que elas aceitaram sua mensagem e foram batizadas. Naquele primeiro dia, cerca de 3.000 novos convertidos foram acrescentados em número. Em todo o Livro dos Atos dos Apóstolos, Lucas registra muitos casos em que os apóstolos agiram no poder do Espírito Santo e, consequentemente, a Igreja começou a crescer em número (por exemplo, Atos 2, 47; 4, 4; 5, 14; 6, 1; 7; 11, 21 e 24). Portanto, a graça de Pentecostes é essencialmente uma graça missionária. Embora reconhecendo que na Renovação Carismática não temos um monopólio do Espírito Santo, parece que temos uma vocação especial para sermos embaixadores do Espírito Santo e difundir a Cultura de Pentecostes. Isto foi enfatizado pelo Papa João Paulo II em 2002, quando ele disse: 
"No nosso tempo, que é tão ávido de esperança, faça que o Espírito Santo seja conhecido e amado. Ajude a trazer para a vida aquela "Cultura de Pentecostes", que só ela pode tornar fecunda a civilização do amor e da co-existência amigável entre os povos. Com insistência fervorosa, não vos canseis de invocar "Vinde Espírito Santo! Vinde! Vinde!"(Discurso aos delegados da Renovação no Espírito Santo).

Saindo da Espiritualidade de Pentecostes para a Cultura de Pentecostes
O desafio para a RCC não é manter a espiritualidade de Pentecostes limitada ao Grupo de Oração, ou mesmo  restringi-la apenas à Renovação Carismática. A evangelização deve ser uma prioridade para nós, como foi para os apóstolos, quando deixaram o Cenáculo. Já em 1992, o Papa Bento (então Cardeal Ratzinger) escreveu:
"Será que vamos descobrir o segredo do primeiro Pentecostes na Igreja? Será que vamos oferecer-nos humildemente ao poder renovador do Espírito Santo para que Ele possa nos libertar da nossa pobreza e da nossa total incapacidade de realizar a tarefa de anunciar Jesus Cristo aos nossos semelhantes?... O Cenáculo é o lugar onde os cristãos se deixam, ao acolher o Espírito Santo, ser transformados pela oração. Mas é também o lugar de onde saimos para levar o fogo de Pentecostes aos irmãos e irmãs". (Revista New Covenant).
Claramente, o Pentecostes é para o mundo. Trata-se de transformar a sociedade através do poder do Espírito Santo. A Cultura de Pentecostes cria uma sociedade que respeita a dignidade humana através do reconhecimento de que a humanidade é feita à imagem e semelhança de Deus.
É uma sociedade na qual a esperança reina de forma suprema e a luz brilha mais forte do que qualquer escuridão. É exatamente o oposto do relativismo cultural que permeia grande parte do nosso mundo. Em uma conferência em Lucca, Itália, em 2005, Salvatore Martinez definiu a Cultura de Pentecostes como "o antídoto para o mal obscuro do mundo". Em resposta, o Cardeal Rylko disse: "Temos que aprender o método do Espírito Santo que opera na história e renova a face da terra, para não sermos vencidos pelo mal".
Nós todos temos uma responsabilidade, como indivíduos e como Grupos, de discernir as formas pelas quais o Senhor nos chama a sermos os promotores da Cultura de Pentecostes. Uma maneira em que isso vai acontecer é intensificando a Espiritualidade de Pentecostes na Igreja. Talvez você possa fazer isso incentivando o maior número de pessoas a participar da Novena de Pentecostes, e, assim, juntarem-se ao testemunho mundial do Pentecostes das Nações. A partir deste local de intercessão, estaremos habilitados a estender a mão para o mundo, promovendo a Cultura de Pentecostes através do testemunho de nossas vidas e através das obras de misericórdia e justiça.
 

Lembrancinha para o Dia das Mães - Prendedor porta recados



Gente, fiz um passo a passo de uma lembrancinha para o dia das mães (como prometi para minha prima lá de Caruaru/PE), mas não está lá essas coisas todas... A maioria das fotos está fora de foco, mas acho que dá pra vocês terem uma ideia. É essa a intenção...

Vamos lá!
Material :
- Prendedores de roupa de madeira
- Cola branca de boa qualidade
- Tesoura, estilete
- Lixa de unha
- Pincel
- E.V.A.
- Tecido
- Tinta para artesanato
- Guardanapo para decoupagem
- Ímã

26 de abr de 2013

Lojinha Virtual


A paz do Menininho Jesus, meu povo!
Eu criei uma lojinha pra disponibilizar alguns materiais de evangelização infantil para vocês:


Lá tem livros, CD's, DVD's, recursos visuais e outros materiais que irei colocando aos poucos. Espero que vocês gostem! Façam uma visitinha!

COMO COMPRAR:

*Envie um e-mail para tiapaulalimeira@yahoo.com.br ou entre em contato pelo telefone (19) 3039.8478, informando qual o produto, quantidade ou qualquer outro detalhe. E informando o seu CEP para que a taxa de entrega seja calculada (frete) ou compre através do PAGSEGURO.

*A forma de pagamento é através de depósito bancário na Caixa Econômica Federal ou pelo PAGSEGURO.

*Confirmado pedido, prazo para entrega, forma de envio através do PAC (encomenda comum) ou SEDEX (mais rápido e altera no valor do envio) e pagamento, enviarei o código para que você possa rastrear o seu pedido no site dos Correios

* As encomendas serão enviadas em até 15 dias após a confirmação do pagamento.

*Se o pagamento não for efetuado em até 10 dias após o pedido, automaticamente a encomenda será CANCELADA.

*As encomendas só serão enviadas após confirmação do pagamento. Que poderá ser feita através de depósito bancário ou pelo PAGSEGURO.

*Todas as peças postadas podem ser feitas sob encomendas.


25 de abr de 2013

Uma oração em cada dedo


Atribuída ao Monsenhor Bergoglio, hoje Papa Francisco.



O polegar é mais próximo de você. Então comece a rezar por aqueles mais próximos a você. Eles são os mais fáceis de lembrar. Rezar por nossos entes queridos é "uma doce obrigação".

O seguinte é o dedo indicador. Ore por aqueles que ensinam, instruem e curam. Isso inclui pais, professores, médicos e padres. Eles precisam de apoio e sabedoria para indicar a direção correta para os outros. Mantenha-os sempre presentes em suas orações.

O próximo dedo é médio, é o mais alto. Ela nos lembra de nossos líderes. Ore pelo(a) o(a) presidente, governadores, deputados, senadores, empresários, patrões e diretores. Essas pessoas dirigem os destinos de nossa nação e regem a opinião pública... Eles precisam da orientação de Deus.

O quarto dedo é o nosso dedo anelar. Surpreendentemente, este é o nosso dedo mais débil. Ele lembra-nos que rezemos pelos fracos, doentes ou pelos atormentados por problemas. Todos eles necessitam das nossas orações. Eles precisam das nossas orações dia e noite. Nunca será demais para rezar por eles. Você também deve rezar pelos casamentos.

E por último, o nosso dedo mindinho, o menor de todos, que é a forma como devemos nos ver a nós mesmos diante de Deus e dos outros. Como a Bíblia diz: "os últimos serão os primeiros." Seu dedo mindinho deve lembrá-lo de rezar por você. Quando você terminar de rezar pelos primeiros quatro grupos, as suas próprias necessidades aparecerão numa perspectiva correta e você estará preparado para rezar por você mesmo de uma maneira correta.

19 de abr de 2013

Eu já fiz minha inscrição, e você, tá esperando o que???


Amados, a paz do Menino Jesus!
Nosso encontro estadual de 3 a 5 de maio em Jundiaí está chegando. Que maravilha!
Encaminhamos aos vossos coordenadores diocesanos um convite especial para que eles e mais evangelizadores possam estar conosco nesse encontro.
Enfatizamos que seria muito bom a presença de, pelo menos, um representante de cada Grupo de Oração Infantil, de um representante de cada região e até mesmo a deles mesmos, porém uma presença é indispensável, A SUA. Você como coordenador(a) diocesano(a) do Ministério para as Crianças precisa estar presente. Também como coordenador(a) exerce um papel motivador indispensável, por isso contamos com seu apoio, oração, divulgação e incentivo.
Talvez a distância seja uma dificuldade, lembre-se do quanto  Abraão andou para ir onde era preciso.

Talvez os recursos sejam limitados, lembre-se o que fez santa Madre Tereza de Calcutá com o pouco que tinha.

Talvez haja medo ou desânimo, lembre-se de Ananias que, mesmo com medo foi ao encontro de Saulo.
Dê um passo à fé e venha participar deste encontro que trabalhará o tema Querigma, parte essencial da evangelização, com ênfase especial na fé, tema central do nosso ano. Será novo de Deus e, ainda que você e os seus já tenham feito algum encontro a respeito do tema, venha e deixe o Espírito Santo te surpreender.
Um forte abraço do  Menino Jesus e meu.
Ana Paula Silveira Gericó Speri
Coord. Est. Minist. Crianças.

Mais informações: AQUI

18 de abr de 2013

Cartão 3D para o Dia das Mães

Eu fiz com papel color set, mas ficaria bem melhor com Color paper, Lumi paper (aqueles tipo papel sulfite/ofício, mas com cores bem fortes)



Molde:

Outras ideias para o Dia das Mães: AQUI

15 de abr de 2013

O leproso agradecido - Lucas 17, 11-19

Clique nas figuras para ampliar e imprimir.


Agora vamos colorir e reescrever a história com nossas palavras:




Vamos ajudar o "Amiguinhos de Deus"!!!




Olá amiguinhos PAZ e BEM, que Deus os abençoe, estou com o projeto de criar o site Amiguinhos de Deus, para melhor atender a todos vocês. Mais primeiramente preciso arrecadar fundos para que o site saia, pensando nisso, venho pedir a ajuda de todos.

Como sabem estou participando de uma promoção, no qual o prêmio é um celular Samsung Galaxy SIII, pensei se ganhasse esse prêmio eu posteriormente o venderia e com o dinheiro da venda dar iaandamento ao site AMIGUINHOS DE DEUS.

Para ganhar a promoção, preciso que as pessoas votem em minha foto que se encontra no site da promoção, quanto mais votos eu ganhar, mais chances eu tenho. Então venho aqui pedir a ajuda de todos que curtem o Blog Amiguinhos de Deus, para que através desse prêmio o sonho do site sai.

Para que esse sonho torne-se realidade, sua contribuição é muito importante, para isso, basta você:

1 – Entrar no site da promoção, na minha foto, esse link que se encontra aí do lado ( http://micropage.opera.com/fototim/9nbonb7dr4.html ).

2 – Em seguida, clicar em votar (lembrando que só se pode votar uma vez por computador e celular, quem já votou nas duas formas não pode mais votar) por isso é importante todos votarem.

A foto que está vencendo até o momento, está com mais de 1.000 votos, precisamos passar esses mil votos, até às 23h59 do dia 17 de abril (está quarta-feira). Vamos nos unir para que o site do AMIGUINHOS DE DEUS sai, vamos mostrar que juntos somos mais fortes.

Compartilhe o link de votação com seus amigos! PAZ e BEM a todos, que Deus e Nossa Senhora abençoe a todos.

12 de abr de 2013

Noveninha das Mãozinhas Ensanguentadas de Jesus - 9º dia

Essa novena foi adaptada para crianças pela Josiele Correa, de Capão Bonito/SP.

9º Dia: A perseverança

Palavrinha: João 20, 26-28

Estavam todos reunidos e Jesus apareceu novamente e mandou Tomé tocar nas suas feridas e olhas suas mãos chagadas e disse a ele:
- Não seja homem sem fé; acredite, Tomé!
E Tomé respondeu:
- Meu Senhor e meu Deus!

Oração:

"Amiguinho Jesus, nas tuas mãozinhas ressuscitadas e estendidas em minha direção, te dou toda a minha vida. Faça em mim a tua vontade. Ajuda-me a ser fiel. Amém."

Jaculatória: (repetir muitas vezes neste dia)
"Amiguinho Jesus, pelo poder de seu sangue me ajude a ser fiel até o fim. Amém."





Dinâmica: 
Distribua uma bexiga cheia para cada criança, enquanto toca uma música, as crianças têm que jogar as bexigas para o alto sem deixá-las cair.
Acabando a musica pergunte:
- Cada um se esforçou para a bola não cair?

- O tempo todo? Ou alguém desanimou?

Diga que precisamos ser perseverantes, principalmente nas coisas de Deus. 

Desenhos para colorir:





Oração final para todos os dias da noveninha:
“Amiguinho Jesus, coloca as tuas mãozinhas ensanguentadas sobre mim nesse momento. Sinto-me completamente sem forças. Preciso que a força e o poder de tuas mãozinhas que sentiram tanta dor ao serem pregadas na cruz, curem-me agora Jesus. Não peço só por mim, mas também por todas as pessoas que eu amo.
Eu reconheço, apesar dos meus pecados, que és Deus Misericordioso para agir e realizar o impossível! Com fé posso dizer: Mãozinhas ensangüentadas de Jesus, mãozinhas feridas lá na cruz! Vem tocar em mim, Vem Senhor Jesus!”

Concluir cada dia, rezando um Pai Nosso e um glória







Noveninha das Mãozinhas Ensanguentadas de Jesus - 8º dia

Essa novena foi adaptada para crianças pela Josiele Correa, de Capão Bonito/SP.

8º Dia: A Mãe

Palavrinha: João 19, 25-27

Junto à cruz de Jesus estavam sua mãe, sua tia, o apóstolo João e Maria Madalena. Jesus, vendo ali sua mãe e João, disse:
- Mãe, eis aí teu filho.
Depois disse a João:
- Eis aí tua mãe.
E desde aquele dia Maria foi morar na casa de João.

Oração:

"Amiguinho Jesus, sua mãezinha foi a primeira a ver, segurar e beijar tuas mãozinhas em Belém, mas foi também a primeira a ver, segurar e beijar as tuas mãozinhas atravessadas e ensanguentadas quando te colocaram sem vida em seu colo.
Quanta dor sua mãezinha sentiu. Quero hoje aceitar a sua mãezinha e chamar de minha mãezinha do céu e desejo que ela esteja sempre comigo do mesmo jeito que sempre esteve contigo, meu querido Jesus .Amém."


Jaculatória: (repetir muitas vezes neste dia)
"Amiguinho Jesus, pelo poder do teu sangue, te peço a presença da Mãezinha do Céu junto a mim. Amém"



Dinâmica: Distribuir o cartão abaixo para as crianças escreverem a sua oração para Mãezinha do Céu. Levar uma imagem de Nossa Senhora e pedir que  as crianças coloquem seus cartões de oração aos pés da Mãezinha.


Atividade:




Oração final para todos os dias da noveninha:
“Amiguinho Jesus, coloca as tuas mãozinhas ensanguentadas sobre mim nesse momento. Sinto-me completamente sem forças. Preciso que a força e o poder de tuas mãozinhas que sentiram tanta dor ao serem pregadas na cruz, curem-me agora Jesus. Não peço só por mim, mas também por todas as pessoas que eu amo.
Eu reconheço, apesar dos meus pecados, que és Deus Misericordioso para agir e realizar o impossível! Com fé posso dizer: Mãozinhas ensangüentadas de Jesus, mãozinhas feridas lá na cruz! Vem tocar em mim, Vem Senhor Jesus!”

Concluir cada dia, rezando um Pai Nosso e um glória





Noveninha das Mãozinhas Ensanguentadas de Jesus - 7º dia

Essa novena foi adaptada para crianças pela Josiele Correa, de Capão Bonito/SP.

7º Dia: A Cruz

Palavrinha: Lucas 23, 44-46


Quando chegaram ao lugar chamado Calvário, ali pregaram Jesus na madeira e ergueram a sua cruz entre os dois bandidos: um à direita e um à esquerda. Já era quase meio-dia e houve escuridão em toda a Terra até as três horas da tarde. Então, caiu uma grande tempestade. Jesus gritou:
-Pai, nas Tuas Mãos entrego o meu espírito.

Oração:
“Amiguinho Jesus, hoje entendi porque o Senhor abraçou com tanto amor a sua cruz. É porque por ela o Senhor provou o seu amor por mim e conquistou a minha salvação. Com a ajuda de tuas mãozinhas chagadas, a partir de agora, quero abraçar com amor a minha cruz também porque só assim poderei ser feliz. Amém.”



Jaculatória: (repetir muitas vezes neste dia)
“Amiguinho Jesus, pelo poder do seu sangue, me dê a graça de suportar minha cruz   todos os dias da minha vida. Amém!”




Dinâmica:
Passar um crucifixo de mão em mão para que as crianças digam para Jesus o que mais  é difícil na vida de cada um delas.

Atividade:



Oração final para todos os dias da noveninha:
“Amiguinho Jesus, coloca as tuas mãozinhas ensanguentadas sobre mim nesse momento. Sinto-me completamente sem forças. Preciso que a força e o poder de tuas mãozinhas que sentiram tanta dor ao serem pregadas na cruz, curem-me agora Jesus. Não peço só por mim, mas também por todas as pessoas que eu amo.
Eu reconheço, apesar dos meus pecados, que és Deus Misericordioso para agir e realizar o impossível! Com fé posso dizer: Mãozinhas ensangüentadas de Jesus, mãozinhas feridas lá na cruz! Vem tocar em mim, Vem Senhor Jesus!”

Concluir cada dia, rezando um Pai Nosso e um glória





Noveninha das Mãozinhas Ensanguentadas de Jesus - 6º dia

Essa novena foi adaptada para crianças pela Josiele Correa, de Capão Bonito/SP.

6º Dia: O Alimento

Palavrinha: Mateus 26, 26-28

Durante a refeição com os apóstolos, Jesus tomou em suas mãos o Pão, deu graças, o partiu e disse:
-Este é o meu corpo que é dado por vocês, façam isso em memória de mim.
Depois que comeram, pegou o cálice e disse:
-Este é o cálice da nova aliança: meu sangue que é derramado por vocês, faça isso em memória de mim.

Oração:
“Amiguinho Jesus, meu coraçãozinho transborda de tanta gratidão, pois o Senhor se faz pequenininho num pedaço de pão. Dai-me a graça de sempre lhe buscar, pois um dia quero receber desse alimento, onde o Senhor se oferece a nós através das mãos dos sacerdotes, porque eles são como as tuas mãos generosos sobre mim. Amém”

Jaculatória: (repetir muitas vezes neste dia)
"Amiguinho Jesus, pelo poder do seu sangue, lhe peço que jamais me falte o Pão da vida. Amém!"



Dinâmica: Pode-se levar um pão enorme e todos dividem e comem um pedacinho desse pão.

Desenhos para colorir:



Oração final para todos os dias da noveninha:
“Amiguinho Jesus, coloca as tuas mãozinhas ensanguentadas sobre mim nesse momento. Sinto-me completamente sem forças. Preciso que a força e o poder de tuas mãozinhas que sentiram tanta dor ao serem pregadas na cruz, curem-me agora Jesus. Não peço só por mim, mas também por todas as pessoas que eu amo.
Eu reconheço, apesar dos meus pecados, que és Deus Misericordioso para agir e realizar o impossível! Com fé posso dizer: Mãozinhas ensangüentadas de Jesus, mãozinhas feridas lá na cruz! Vem tocar em mim, Vem Senhor Jesus!”

Concluir cada dia, rezando um Pai Nosso e um glória




11 de abr de 2013

Beata Elena Guerra


Elena Guerra nasceu em Lucca (Itália), no dia 23 de Junho de 1835. Viveu e cresceu em um clima familiar profundamente religioso. Durante uma longa enfermidade, se dedica à meditação da Palavra de Deus e ao estudo dos Padres da Igreja, o que determina seu orientamento da vida interior e de seu apostolado; primeiro na Associação das Amigas Espirituais, idealizada por ela mesma para promover entre as jovens a amizade em seu sentido cristão, e depois nas Filhas de Maria.
         Em Abril de 1870, Elena participa de uma peregrinação pascal em Roma juntamente com seu pai, Antônio. Entre outros momentos marcantes, a visita às Catacumbas dos Mártires confirmam nela o desejo pela vida consagrada. Em 24 de Abril, assiste na Basílica de São Pedro a terceira sessão conciliar do Vaticano I, na qual vinha aprovada a Constituição “Dei Filius” sobre a Fé. A visita ao Papa Pio IX a comove de tal maneira que depois de algumas semanas, já em Lucca, no dia 23 de Junho, faz a oferta de toda a sua vida pelo Papa.
         No ano de 1871, depois de uma grande noite escura, seguida de graças místicas particulares, Elena com um grupo de Amigas Espirituais e Filhas de Maria, dá início a uma nova experiência de vida religiosa comunitária, que em 1882 culminará na fundação da Congregação das Irmãs de Santa Zita, dedicada a educação cultural e religiosa da juventude. É neste período que Santa Gemma Galgani se tornará “sua aluna predileta”.
         Em 1886, Elena sente o primeiro apelo interior a trabalhar de alguma forma para divulgar a Devoção ao Espírito Santo na Igreja. Para isto, escreve secretamente muitas vezes ao Papa Leão XIII, exortando-o a convidar “os cristãos modernos” a redescobrirem a vida segundo o Espírito; e o Papa, amavelmente solicitado pela mística Luquese, dirige à toda Igreja alguns documentos, que são como uma introdução a vida segundo o Espírito e que podem ser considerados também como o início do “retorno ao Espírito Santo” dos tempos atuais: A breve “Provida Matris Charitate” de 1895; a Encíclica “Divinum Illud Munus” em 1897 e a carta aos bispos “Ad fovendum in christiano populo”, de 1902.
         Em Outubro de 1897, Elena é recebida em audiência por Leão XIII, que a encoraja a prosseguir o apostolado pela causa do Espírito Santo e autoriza também a sua Congregação a mudar de nome, para melhor qualificar o carisma próprio na Igreja: Oblatas do Espírito Santo.
         Para Elena, a exortação do Papa é uma ordem, e se dedica ainda com maior empenho à causa do Espírito Santo, aprofundando assim, para si e para os outros, o verdadeiro sentido do “retorno ao Espírito Santo”: Será este o mandato da sua Congregação ao mundo.
         Elena, em suas meditações com a Palavra de Deus, é profundamente impressionada e comovida por tudo o que acontece no Cenáculo histórico da Igreja Nascente: Ali, Jesus se oferece como vítima a Deus para a salvação dos homens; ali institui o Sacramento de Amor, a Eucaristia; ali, aparece aos seus discípulos depois da ressurreição e ali, enfim, manda de junto do Pai o Espírito Santo sobre a Igreja Nascente.
         A Igreja é descricao a realizar os Mistérios do Cenáculo, Mistérios permanentes, e, portanto, o Mistério Pascal: A Igreja é, por isto, prolongamento do Cenáculo, e, analogamente, é ela mesma como um Cenáculo Espiritual Permanente.
         É neste Cenáculo do Mistério Pascal, no qual o Senhor Ressuscitado reúne a comunidade sacerdotal real e profética, que também nós, e cada fiél em particular, fomos inseridos pelo Espírito mediante o Batismo e a Crisma, e capacitados a participar da Eucaristia, que é uma assembléia de confirmados, e, portanto, semelhante a primeira comunidade do Cenáculo depois da descida do Espírito Santo. É nesta prospectiva que Elena Guerra concebe e inicia o “Cenáculo Universal” como movimento de oração ao Espírito Santo.
         Elena morreu no dia 11 de Abril de 1914, sábado santo, com o grande desejo no coração de ver “os cristãos modernos” tomando consciência da presença e da ação do Espírito Santo em suas vidas, condição indispensável para um verdadeiro “renovamento da face da terra”.
         Elevada à honra dos altares em 26 de Abril de 1959, justamente o Papa a definiu “Apóstola do Espírito Santo dos tempos modernos”, assim como Santa Maria Madalena foi a apóstola da Ressurreição e Santa Maria Margarida Alacoque a apóstola do Sagrado Coração.
         O carisma profético de Elena é ainda atual, visto que a única necessidade da Igreja e do Mundo é a renovação contínua de um perene e “Novo Pentecostes” que por fim “renove a face da terra”.  (Elena Guerra) 

 “A vinda do Espírito Santo no Cenáculo,
foi como o beijo da reconciliação dado
por Deus à humanidade redimida no sangue de Jesus”
(Elena Guerra)


9 de abr de 2013

FACILITAR A FÉ PARA ATRAIR AS MULTIDÕES


(por Dom Henrique Soares da Costa)


Pense um pouco:

Que engano tão nocivo achar que temos que facilitar as coisas para atrair as multidões: facilitar a liturgia, fazendo dela um show de futilidades e criatividades; facilitar a moral cristã, escondendo e adocicando as exigências do Evangelho; facilitar a fé católica, escondendo seus pontos mais difíceis para a mentalidade atual. Não são as facilidades que atraem; o que atrai é o amor! Quando as pessoas amam, são atraídas e sentem prazer e alegria em renunciar e fazer sacrifícios por Aquele ao qual amam. O futuro da Igreja não está em facilitar as coisas, mas em encantar, apresentando Jesus com toda Sua inteireza de doçura, beleza, simplicidade, radicalidade, verdade, exigências e retidão. 

Talvez não venham multidões. Não há nenhum problema! O que importa é que, os que vierem, sejam tão apaixonados, estejam tão prontos a dar a vida, a perder tudo por Aquele que nos encanta, que causem espanto e admiração nos que estão fora! Somente assim o cristianismo será crível. Fora disso, existem somente truques ilusórios, que não encherão nem as igrejas nem os corações. É tempo de acordar, é tempo de ter juízo, é tempo de voltar ao essencial, é tempo de ser fiel novamente, sendo cristão de corpo inteiro e católico sem meias palavras!

Somente para ilustrar isto, tomo a palavra do mais jovem participante do Sínodo dos Bispos sobre a Evangelização, ocorrido em Roma, no ano passado. Com santa ousadia, Tommaso Spinelli, catequista de jovens na cidade de Roma, 23 anos, falando com veemência, pediu que a catequese tenha "substância", que os padres sejam guias fortes, audazes, sólidos em sua vocação e identidade. "Infelizmente há padres que perderam a identidade, a cultura e o carisma... Não gostamos de padres que querem se trasvestir de jovens ou, pior ainda, adotar as incertezas e o estilo de vida de jovens... A mesma coisa quando na liturgia, tentando ser originais, caem no ridículo... Eu lhes peço que tenham a coragem de ser vocês mesmos... Não tenham medo de nos propor as verdades da fé... Temos fome infinita de algo de eterno e de verdadeiro". E o moço terminou pedindo três coisas: (1) Aumentar a formação dos padres, não só espiritual, mas também cultural, pois nunca terá credibilidade junto aos jovens o padre que não souber dar razões daquilo que diz; (2) Redescobrir o Catecismo da Igreja Católica, principalmente em suas primeiras secções, que falam sobre a fé e os sacramentos, e são as mais lindas; (3) Cuidar mais da Liturgia: nós jovens não queremos celebrações simplificadas, aguadas, dessacralizadas, mas bem realizadas, dignas, que traduzam nossa identidade cristã!
Chato, não? Verdadeiro que dói...