19 de out de 2016

ÁLBUM LITÚRGICO ANO A​

A Editora ComDeus apresenta uma prévia do álbum litúrgico Ano - A (São Mateus), elaborado em homenagem aos 300 anos da aparição de Nossa Senhora Aparecida e aos 100 anos de Nossa Senhora de Fátima. Com muitas surpresas, este álbum fará toda a diferença na catequese de sua paróquia. 



Imagem inline 1

Érica Alves - Editora ComDeus
TEL:(12) 3302-8560

18 de out de 2016

Brincadeiras para Festa de Todos os Santos



ROSAS PARA SANTA TERESINHA

  • Uma imagem de Santa Teresinha do Menino Jesus Grande.
  • Várias rosas de papel ou E.V.A. ou artificiais...
  • Em suas mãos, um pedaço de velcro ou fita dupla face onde devem ser colocadas as rosas.
  • Os olhos das crianças devem ser vendados e elas vão tentar colocar as rosas no local certo, nas mãos de Santa Teresinha.

GOLF DE SÃO SEBASTIÃO


  • Você pode fazer tacos de golf com materiais reutilizados (veja AQUI)
  • O objetivo é colocar a bola que simboliza uma virtude.
  • Cada criança tem uma ou duas chances de introduzir a bola no buraco.
  • Devemos explicar às crianças que é preciso esforço para conseguirmos obter uma virtude e andar no caminho da santidade.

12 de out de 2016

Crianças, as prediletas de Jesus

FONTE

Mês das crianças. Ah, as crianças são incríveis! Eu e meu esposo tivemos, até o momento, três filhos: dois nascidos, Matheus e Raphael, 7 anos e 6 anos, respectivamente; e um que não soubemos o sexo; foi para junto de Deus no terceiro mês de gestação. Aprendemos muito com os nossos filhos e com outras crianças. Não foi à toa que Jesus disse: “Em verdade vos digo, se não vos converterdes e não vos tornardes como crianças, não entrareis no Reino dos Céus. Quem se faz pequeno como esta criança, este é o maior no Reino dos Céus” (Mt 18, 3-4).
Outro dia, estávamos ajudando Matheus a fazer um trabalho de escola sobre o pavão. Escutamos deduções incríveis do Matheus e Raphael a respeito de aves, como “a galinha d’Angola é uma espécie de peru” e “os perus são predadores dos pavões”. Ah, e tudo tinha uma lógica... Amamos ouvir Matheus lendo, a seu jeito, a Bíblia para Raphael e percebermos Raphael repassando os ensinamentos a seus amiguinhos. Os pais entram em contato conosco para dizer que seus filhos querem rezar todas as noites e participar da missa. Isso nos enche de muita alegria.
Claro que passamos por dificuldades também. Nem sempre acordamos bem. Nem sempre as crianças acordam bem. Há doenças, dificuldades financeiras, nem sempre as crianças obedecem, fazem muito barulho, reclamam, choram, enfim, há isso tudo. Mas não consigo imaginar mais nossas vidas sem nossos filhos. Ainda acho que eu e meu esposo Joel, fizemos uma boa escolha quando decidimos ser pai e mãe.
Há argumentos convencendo muitos casais constituírem uma família com o menor número possível de filhos ou, mesmo, nenhum filho. Argumentos como “Os filhos geram gastos”, ou, “Tiram a liberdade do casal”, ou “Não hão mais como ter tempo para os filhos”. E o compromisso feito no altar no dia do casamento fica esquecido; o compromisso de aceitar os filhos concedidos por Deus e educa-los na fé cristã. Penso que gerar filhos, biologicamente ou por adoção, não é fruto de uma decisão simples. Mas não podemos deixar que argumentos contrários à vida nos deixem convencer a não vivermos o chamado à paternidade e à maternidade.
Em sua Exortação Apostólica Pós-Sinodal Amores Laetitia, o Papa Francisco aponta o seguinte: “Lá dentro da casa onde o homem e sua esposa estão sentados à mesa, aparecem os filhos que os acompanham ‘como brotos de oliveira’ (Sl 128/127,3), isto é, cheios de energia e vitalidade. Se os pais são como os alicerces da casa, os filhos constituem as ‘pedras vivas da família (cf. 1Pd 2,5) (...) ‘Os filhos são herança do Senhor, é graça sua o fruto do ventre. Como flechas na mão de um guerreiro são os filhos gerados na juventude. Feliz o homem que tem uma aljava cheia deles: não ficará humilhado quando vier à porta para tratar com seus inimigos’ (Sl 127,126, 1.3-5). É verdade que estas imagens refletem a cultura de uma sociedade antiga, mas a presença dos filhos e, em todo o caso, um sinal de plenitude da família na continuidade da mesma história de salvação, de geração em geração” (n. 14). Lindo, não é mesmo?
Eu não tive muitos filhos. Mas conheço famílias que optaram por constituir uma família maior, não por “falta de juízo” como dizem alguns, mas por livre escolha. E, aí? Essas famílias têm sua escolha respeitada?
Nós, cristãos católicos, por muitas vezes “torcemos o nariz” para algum casal que chega com suas crianças para participar da missa. “As crianças são barulhentas”. “Ah, se fosse meu filho...” E lançamos olhares de julgamento sobre os pais. Ou, mesmo, no Grupo de Oração, fechamos o espaço de participação das crianças, simplesmente, esquecendo-nos que, se as crianças são capazes de perceber o amor de Deus, deveria ser pensado um grupinho de oração para elas. Já existem muitos Grupinhos de Oração no Brasil. “Deixai vir a mim as criancinhas e não as impeçais, porque o Reino dos Céus é para aqueles que se lhes assemelham” (cf. Mt 19, 14). Elas são prediletas de Jesus.
Fico pensando em nossa sociedade que, mesmo com documentos como o Estatuto da Criança e Adolescente (ECA) que visam proteger e garantir os direitos de crianças e adolescentes, se nega, na prática, a garantir o direito fundamental à vida, seja a vida intrauterina, ameaçada pelo aborto, ou a vida de crianças nascidas quando não se possibilita a elas o acesso à educação, saúde, o aconchego de um lar. Uma sociedade que permite às crianças exposição a situações variadas de violência.
Vemos uma realidade que encara a criança não como um ser pensante, filha de Deus, mas como um ser consumista em potencial. Uma triste realidade em que há crianças com obesidade mórbida, depressão, que sofrem abuso... Uma realidade em que não se dá mais limites às crianças, como se a palavra “não” fosse barreira para vê-las felizes, cheias de vida, brincando... Jesus, queremos olhar para as crianças com o seu olhar de predileção e atender ao pedido de Deus Paizinho: “Ensina à criança o caminho que ela deve seguir; mesmo quando envelhecer, dele não se há de afastar” (Prov 22, 6). Amém.

Iacy Batista Garcia
Casada, mãe, farmacêutica, pedagoga, pós-graduada em Educação em Sexualidade.
GOU São João Batista - Arquidiocese de São Paulo (SP)

11 de out de 2016

Mais de 1 milhão de crianças assinam um chamado à paz na Síria


Crianças cristãs e muçulmanas fazendo desenhos pela paz em Alepo
Foto: Ajuda à Igreja que Sofre

10 de out de 2016

Mobilização Nacional de Oração Outubro 2016

Já se passaram três anos desde que iniciamos nossa Mobilização Nacional de Oração! Quantas graças o Ministério para Crianças alcançou durante esse tempo! Temos muito a comemorar!

Irmãos, continuemos sendo guerreiros, sendo ousados, clamemos pelo Espírito Santo. Não deixe o seu estado de fora. A cruz que carrega o fogo de Deus já foi plantada aí na sua terra. Seu solo é solo santo! Coordenadores estaduais, convoquem seus coordenadores diocesanos, passe essa chama! Coordenadores diocesanos, convoquem os regionais! Os regionais convoquem os servos de cada Grupo de Oração Infantil e assim todos nós faremos mais uma vez 24 horas de oração pela Renovação Carismática Católica, pelo Ministério para Crianças e pelas crianças! Neste dia 12 de outubro invoquemos a intercessão poderosa de Nossa Mãezinha Aparecida! Mês das Missões, assumamos nossa missão não só levar a Boa Nova aos pequeninos, mas de procurarmos cada vez mais estar em unidade com todo o Ministério, de nos formar e de sermos luz, assim como São Francisco Xavier e Santa Terezinha do Menino Jesus!

COMO REZAR?
- Intercessão profética pelas intenções
- Oração que nos ensina Elena Guerra: “Senhor, faz que eu fale, agindo conforme teu Espírito: que as minhas palavras te glorifiquem e sejam úteis ao bem espiritual do meu próximo. Amém!”


No dia 13 encaminhem para o e-mail do seu coordenador(a) diocesano/estadual ou diretamente para o e-mail: paula_generoso@yahoo.com.br, faremos um único relatório do dia da Mobilização e encaminharemos para o núcleo nacional do Ministério.


INTENÇÕES DO MÊS DE OUTUBRO:


1) Pelo amadurecimento, santidade e fidelidade dos servos a Deus e ao Ministério para Crianças
2) Pela Renovação Carismática Católica do Brasil e todos seus projetos (Veja as intenções no site da RCC Brasil)
3) Pelas crianças de todo Brasil e do mundo, principalmente as que vivem nos países em guerra
4) Para que os Projetos do Ministério para Crianças sejam implantados em todas as dioceses, em especial o Projeto Plantar e Colher.
5) Para que a meta de um Grupo de Oração Infantil em cada Grupo de Oração até o final de 2016 seja alcançada
6) Pelas vítimas do furacão Matthew
                    
HORÁRIOS DE CADA ESTADO NO MÊS DE OUTUBRO:

HORÁRIO DE BRASÍLIA
ESTADO (S)
0h às 1h
Ceará
1h às 2h
Distrito Federal
2h às 3h
Espírito Santo
3h às 4h
Goiás
4h às 5h
Maranhão
5h às 6h
Mato Grosso e Mato Grosso do Sul
6h às 7h
Minas Gerais
7h às 8h
Pará
8h às 9h
Paraíba
9h às 10h
Paraná
10h às 11h
Pernambuco
11h às 12h
Piauí
12h às 13h
Rio de Janeiro
13h às 14h
Rio Grande do Norte
14h às 15h
Rio Grande do Sul
15h às 16h
Rondônia e Roraima
16h às 17h
Santa Catarina
17h às 18h
São Paulo
18h às 19h
Sergipe e Tocantins
19h às 20h
Acre
20h às 21h
Alagoas
21h às 22h
Amapá
22h às 23h
Amazonas
23h às 24h
Bahia

5 de out de 2016

LECTIO DIVINA PARA CRIANÇAS - O caminho que leva ao encontro profundo com Deus

Assim como o nosso corpo precisa de alimento (arroz, feijão, carne, leite, pão, frutas, legumes, etc.), a nossa alma também precisa ser alimentada, mas não é com arroz e feijão, é com a Palavra de Deus! Quando alimentamos nosso corpo ficamos saudáveis, fortes! O mesmo acontece quando alimentamos nossa alma! Com a alma bem alimentada produzimos muitos frutos espirituais em nossa vida!

O que é preciso pra fazer a leitura orante da Palavra de Deus?

- Primeiro é preciso DISCIPLINA! Mesmo com preguiça, sem vontade, não podemos deixar de fazer nossa leitura todos os dias.
- É importante ter um lugar silencioso e sem distrações pra fazer a Lectio Divina.
- Um caderno e um lápis ou caneta

PASSOS DA LECTIO DIVINA

Leitura - O que o texto diz
Imagine que você está vendo aquela cena, preste atenção em todos os detalhes: o lugar, o que aconteceu, os personagens, as conversas, tente perceber o que cada personagem sentiu.  Sublinhe, marque os pontos mais importantes, as palavras mais fortes, o trecho que mais lhe chamou atenção, o trecho que você mais gostou...
Meditação - O que o texto diz pra mim
Agora é hora de comparar o texto com a sua vida, através do Espírito Santo. Quais os sentimentos que o Espírito faz surgir em você? Alegria, gratidão, confiança, força, arrependimento?…
Oração - O que o texto me faz dizer  
A oração vem como fruto da meditação. Os sentimentos nos levam a dar uma resposta a Deus. Naturalmente brota um louvor, um agradecimento, um pedido perdão, um oferecimento da nossa vida, do nosso coração a Deus, uma adoração.
Contemplação - O que a Palavra faz
A Palavra que lemos nos convida a um compromisso, à uma ação, um gesto concreto



VAMOS FAZER TODOS JUNTOS!
Para exemplo, escolhemos um texto que nos diz que o Reino de Deus é das crianças. Você encontra em Marcos 10,1.13-16.


Invocação ao Espírito Santo
Espírito Santo, abra meu coração ao amor de Jesus, me acompanhe por toda minha vida, ilumine minha inteligência para que eu entenda a Palavra e me faça obediente ao que o Senhor quer de mim. Amém
LER
Cada um lê individualmente, depois todos lêem juntos e para terminar, cada um lê a parte que mais gostou.  
Perguntas para leitura: Onde Jesus estava?
O que Ele estava fazendo?
Quem repreendia as pessoas que apresentavam crianças para que Jesus as tocasse?
Quando Jesus viu, como Ele ficou? E o que Ele disse?
O que Jesus fez depois?
MEDITAR
Quem me apresentou pra Jesus?
Algo ou alguém atrapalha meu encontro com Jesus?
Como me sinto ao saber que o Céu pertence às crianças?
Me alegra saber que Jesus me abraça e me abençoa?
ORAR
Obrigado, Senhor, por me amar, por me querer sempre pertinho do Senhor, por cuidar de mim e me abençoar! Quero mesmo depois de adulto ter um coração de criança, saber amar e perdoar, confiar e me entregar ao Senhor!
CONTEMPLAR
O que você aprendeu hoje?
Como você pode dizer a outras crianças que Deus as ama e as chama pra ficar pertinho Dele?
Repita muitas vezes, até ficar gravado em seu coração: "Quem não receber como criança o Reino de Deus, nunca entrará nele."
ORAÇÃO FINAL
Pai Nosso
Ave Maria
Glória

3 de out de 2016

Esse mês é especial!!

Está chegando o dia da nossa MOBILIZAÇÃO NACIONAL DE ORAÇÃO e esse mês ela será muito especial, a começar pelo fato de ser dia de Nossa Senhora Aparecida e Dia das Crianças! Como é feriado, MOBILIZE OS EVANGELIZADORES DE CRIANÇAS de seu ESTADO, DIOCESE, REGIÃO, CIDADE, PARÓQUIA, vamos fazer um dia de grande louvor e intercessão!