29 de fev de 2012

Filmes Religiosos - Desenhos Bíblicos

Olha gente, achei um site de filmes religiosos para fazer download e lá tem uma categoria que tem várias histórias da vida dos santos, desenhos bíblicos, etc. Vale a pena visitar, é só clicar abaixo!


28 de fev de 2012

Mobilização Nacional de Oração

I. JUSTIFICATIVA
Neste período em que a RCC do Brasil está vivenciando tempos de abundância, de revogação de sentenças negativas e de portas abertas, o Senhor também nos chama a olharmos para nós mesmos a fim de identificarmos em nós as “brechas” que têm nos impedido de levar a bom termo as suas ordens e, a partir daí, nos deixar reconstruir. Desta maneira, todos nós que participamos da Renovação Carismática Católica do Brasil precisamos urgentemente unir-nos em torno desta moção de reconstrução que estamos vivenciando neste período histórico do nosso movimento.
Sabemos, no entanto, que esta reconstrução se concretizará a partir do momento em que cada membro da RCC procurar pessoalmente vivenciar uma espiritualidade mais profunda e disciplinada. E é por isso que todos os Grupos de Oração do Brasil estão sendo motivados a implantar em seus Grupos de Servos o projeto Amigos de Deus que tem por objetivo motivar a todos os carismáticos a retornarem às práticas espirituais (Jejum, Terço, Oração, Confissão, Adoração e Lectio Divina) para que possamos nos deixar reconstruir pelo Senhor.
Não obstante, é necessário que todo o nosso povo seja despertado para este chamado e, para que isso aconteça, será fundamental que todos os membros da RCC no Brasil sejam motivados a buscar um aprofundamento disciplinado da sua espiritualidade. Faz-se necessário também despertar a consciência de todos para uma vida de conversão e de luta contra o pecado.
Inspirando-nos na intercessão de Judite podemos também orar: “Deus do céu, criador das águas e Senhor de toda a criação, ouvi uma pobre suplicante que só confia em vossa misericórdia. Lembrai-vos, Senhor, de vossa promessa; inspirai as palavras de minha boca e dai firmeza à resolução de meu coração, para que a vossa casa vos permaneça (para sempre) consagrada e que todos os povos reconheçam que só vós sois Deus e que não há outro fora de vós”. (Jd 9,17-18)

27 de fev de 2012

Campanha da Fraternidade 2012 - Materiais para trabalhar com as crianças

A Campanha da Fraternidade desse ano nos propõe trabalhar com a saúde, mas além de discutir a saúde pública existente, é parte fundamental da campanha, conscientizar para a prevenção. 


Clique aqui para ter acesso ao material.


MAIS MATERIAL PARA CAMPANHA DA FRATERNIDADE:

Site Catequisar

Sugestões práticas para a Campanha da Fraternidade 2012



Chegou o tempo quaresmal,tempo em que a Igreja do Brasil nos leva a refletir sobre algum tema relacionado a situação do País,e este ano não será diferente,pois refletiremos sobre a questão da saúde pública.Por isso postarei algumas sugestões de gestos concretos sobre o tema: "Fraternidade e saúde Pública".

1.Realizar um Encontro formativo com os catequistas e pais dos catequizandos,com profissionais da saúde afim de esclarecer como anda a real situação da saúde em nossos bairros e cidades.

2.Propor parcerias com Pastorais ou órgãos que trabalham com DOENTES afim de conhecer de perto essa realidade.(Vicentinos,Pastoral da Criança,Pastoral da Pessoa idosa,Agentes de saúde e outros...)

3.Realizar um ato solene com as Crianças da Catequese em frente a estabelecimentos de saúde (unidades de saúde dos bairros,PSF e outros).Um exemplo seria rezar um terço onde cada mistério contemplado poderia ser uma passagem bíblica encenada e que fale de milagres,ajudas ou curas (cura dos leprosos,bom samaritano,etc...).

4.Concurso de paródias,desenhos e produção de textos sobre a campanha da fraternidade deste ano.

5. Sugerir as crianças visita aos enfermos da comunidade,e em suas casas pedir as crianças para rezar com eles,cantar ou ajudar em algo que seja preciso.

6.Realizar uma via sacra com as crianças ,levando em consideração a via sacra que a saúde passa no Brasil...

7.Convidar pessoas idosas da comunidade afim de que as crianças perguntem como era que eles tratavam das doenças antigamente,ou até mesmo ensiná-los a fazer remédios caseiros.


Cartazes da Campanha da Fraternidade 2012 para colorir

Suplique ao Senhor e ele o curará



Como já sabemos este ano a campanha da fraternidade aborda um tema comum nos noticiários, a saúde pública, que infelizmente ainda falta muito para que seja resolvido o descaso dos nossos doentes nos leitos hospitais. 
Por isso, confiemos nos Senhor, que é o médico dos médicos, para recuperar a saúde dos nossos enfermos, muitas vezes esquecidos pelas autoridades. 
E peçamos também a Deus, que com essa Campanha, que a CNBB nos proporciona, venham também melhorias para os postos de saúde do nosso Brasil, e “Que a saúde se difunda sobre a terra” (Eclo 38,8).
Deixo abaixo o desenho para vocês colorirem. 





25 de fev de 2012

A nós cabe a misericórdia


"Deixemos, portanto, de nos julgar uns aos outros. Pelo contrário, preocupai-vos em não ser causa de tropeço ou escândalo para o irmão". 
Romanos 14,13

24 de fev de 2012

Apascenta minhas ovelhinhas!

Quando Jesus chamou Pedro pela primeira vez para participar do seu ministério, ele o convidou para pescar homens, para ser um pescador. Depois de Pedro andar e aprender com Jesus, o convite foi reformulado: “Pedro, você me ama? “Apascenta as minhas ovelhas”.
Apascentar ovelhas não é tarefa fácil. Exige sacrifícios, exige renúncia, ovelha é um animal que dá muito trabalho e o pastor de ovelhas deve dar até a sua própria vida por elas. Cuidar de crianças não é tarefa fácil. Mas quem ama Jesus entende que deve aceitar o seu convite e apascentá-las.
Certo homem, no oriente, adquiriu uma propriedade e começou a cultivar a terra. Vendo que ela era pouco produtiva, decidiu iniciar uma criação de ovelhas e no final de um ano o rebanho havia crescido tanto que os currais ficaram pequenos e todos os membros da família tiveram que se envolver na tarefa de pastorear o rebanho.
Por aquela ocasião, um grande pregador chegou à cidade e toda a família decidiu assistir ao famoso conferencista. Ele usou como tema de sua mensagem: “Jesus, o Bom Pastor”. A garotinha, filha do fazendeiro, compreendeu direitinho a mensagem, melhor do que muita gente adulta. Sentiu-se muito feliz ao ser comparada a uma ovelhinha perto do bom pastor.
Quando o pregador perguntou:
– Quem aqui nesse auditório deseja se tornar uma ovelha de Jesus, o Bom Pastor?
A garotinha prontamente se levantou, porém o pai a segurou e disse firmemente:
– Isso é só para gente grande.
Desapontada, a menina sentou-se. No outro dia à tarde, quando todos estavam cuidando do rebanho, formou-se um grande temporal. Enquanto os irmãos conduziam o grande rebanho para o curral, o pai pediu ajuda a filhinha para levar as ovelhas mães com suas ovelhinhas para o curral. A menina ficou no portão e com uma varinha deixava passar as grandes e desviava as pequeninas.
Quando o pai percebeu, gritou para a garotinha:
– Filha, não atrapalhe a entrada das ovelhinhas, senão elas vão morrer fora do curral!
– Elas são pequenas, não precisam ser salvas. Isso é só para as ovelhas grandes – respondeu a garotinha.
Foi então que o pai entendeu o seu erro.

“Assim, também, não é VONTADE de vosso Pai que está nos céus,
que um destes pequeninos se perca”. Mateus 18, 14

22 de fev de 2012

Proposta para crianças viverem a quaresma - Atualizado

Para as crianças fazerem em cada um dos 40 dias da quaresma, se esforçando assim para ser cada vez melhores. Não é necessário fazer na ordem em que está.



40 dias da Quaresma

1. Pedir perdão quando fizer algo errado
2. Participar da aula com alegria
3. Alegrar alguém que esteja triste
4. Não discutir com ninguém
5. Comportar-me bem na Igreja
6. Cumprimentar todos os meus colegas (não só os meus amigos)
7. Aceitar a todos como são
8. Ajudar a preparar a comida
9. Pôr a mesa sem que ninguém me peça
10. Levar o lixo para fora
11. Sorrir para todos
12. Perdoar aos que me ofenderem
13. Passar um tempo com papai e mamãe
14. Deixar que outros vejam seus programas favoritos na TV
15. Ajudar um amigo
16. Pedir conselho ao professor(a)
17. Ser gentil
18. Arrumar a mesa depois do almoço
19. Obedecer sem reclamar
20. Fazer um presente para alguém
21. Não incomodar, nem fazer barulho
22. Ter paciência com todos
23. Jogar com os meus irmãos ou amigos sem brigar
24. Arrumar muito bem o meu quarto
25. Fazer os deveres com vontade
26. Lembrar de Jesus (falar com ele em oração)
27. Deixar a classe arrumada
28. Perguntar para papai e mamãe se precisam de ajuda
29. Acompanhar o papai ou mamãe nas compras
30. Falar com os avós
31. Dar graças com alegria
32. Pedir "por favor"
33. Rezar à Virgem Maria
34. Ajudar a manter limpa a rua
35. Não reclamar da comida
36. Telefonar aos tios
37. Estudar mais que o habitual sem reclamar
38. Não insultar ninguém
39. Desligar a televisão e o computador e fazer outra coisa
40. Visitar a Igreja


Olha o que a Layse, do blog Catequese Kids fez: 
http://catequesekids.blogspot.com/2012/02/quaresma-e-tempo-de-preparacao.html?showComment=1329955809674#c217391474208749963

Qual o sentido da celebração das Cinzas?


A Quarta-feira de Cinzas foi instituída há muito tempo na Igreja; marca o início da Quaresma, tempo de penitência e oração mais intensa. Para os antigos judeus sentar sobre as cinzas já significava arrependimento dos pecados e voltar para Deus. As Cinzas bentas e colocadas sobre as nossas cabeças nos fazem lembrar que vamos morrer; que somos pó e que ao pó da terra voltaremos (Gn 3, 19) para que nosso corpo seja refeito por Deus de maneira gloriosa para não mais perecer.

A intenção deste sacramental é levar-nos ao arrependimento dos pecados, marcando o início da Quaresma e fazer-nos lembrar que não podemos nos apegar a esta vida achando que a felicidade plena possa ser construída aqui. É uma ilusão perigosa. A morada definitiva é o céu.

A maioria das pessoas, mesmo os cristãos, passam a vida lutando para "construir o céu na terra". É um grande engano. Jamais construiremos o céu na terra; jamais a felicidade será perfeita no vale em que o pecado transformou num vale de lágrimas. Devemos sim lutar para deixar a vida na terra cada vez melhor, mas sem a ilusão de que ficaremos sempre aqui.




Deus dispôs tudo de modo que nada fosse sem fim aqui nesta vida. Qual seria o desígnio de Deus nisso? A cada dia de nossa vida temos de renovar uma série de procedimentos: dormir, tomar banho, alimentar-nos, etc.. Tudo é precário, nada é duradouro, tudo deve ser repetido todos os dias. A própria manutenção da vida depende do bater interminável do cora­ção e do respirar contínuo dos pulmões. Todo o organismo repete sem cessar suas operações para a vida se manter. Tudo é transitório... nada eterno. Toda criança se tornará um dia adulta e, depois, idosa. Toda flor que se abre logo estará murcha, Todo dia que nasce logo se esvai... e assim tudo passa, tudo é transi­tório, Por que será? Qual a razão de nada ser duradouro? Com­pra-se uma camisa nova, e logo já está surrada; compra-se um carro novo, e logo ele estará bastante rodado e vencido por novos modelos, e assim por diante.

A razão inexorável dessa precariedade das coisas também está nos planos de Deus. A marca da vida é a renovação. Tudo nasce, cresce, vive, amadurece e morre. A razão profunda dessa realidade tão transitória é a lição cotidiana que Deus nos quer dar de que esta vida é apenas uma passagem, um aperfeiçoamento, em busca de uma vida duradoura, eterna, perene.

Em cada flor que murcha e em cada homem que falece, sinto Deus nos dizer: "Não se prendam a esta vida transitória. Preparem-se para aquela que é eterna, quando tudo será duradouro, e nada precisará ser renovado dia a dia.”

E isto mostra-nos também que a vida está em nós, mas não é nossa. Quando vemos uma bela rosa murchar, é como se ela estivesse nos dizendo que a beleza está nela, mas não lhe pertence.

Ainda assim, mesmo com essa lição permanente que Deus nos dá, muitos de nós somos levados a viver como aquele homem rico da parábola narrada por Jesus. Ele abarrotou seus celeiros de víveres e disse à sua alma: "Descansa, come, bebe e regala-te" (Lc 12,19b) ao que Deus lhe disse: "Insensato! Nesta noite ainda exigirão de ti a tua alma". (Lc 12,20)

A efemeridade das coisas é a maneira mais prática e cons­tante que Deus encontrou para nos dizer a cada momento que aquilo que não passa, que não se esvai, que não morre, é aquilo de bom que fazemos para nós mesmos e, principalmente, para os outros. Os talentos multiplicados no dia-a-dia, a perfei­ção da alma buscada na longa caminhada de uma vida de me­ditação, de oração, de piedade, essas são as coisas que não passam, que o vento do tempo não leva e que, finalmente, nos abrirão as portas da vida eterna e definitiva, quando "Deus será tudo em todos". (cf. 1 Cor 15,28)

A transitoriedade de tudo o que está sob os nossos olhos deve nos convencer de que só viveremos bem esta vida, se a vivermos para os outros e para Deus. São João Bosco dizia que "Deus nos fez para os outros". Só o amor; a caridade, o oposto do egoísmo, pode nos levar a compreender a verdadeira di­mensão da vida e a necessidade da efemeridade terrena.

Se a vida na terra fosse incorruptível, muitos de nós jamais pensarí­amos em Deus e no céu. Acontece que Ele tem para nós algo mais excelente, aquela vida que levou São Paulo a exclamar:

 “Coisas que os olhos não viram, nem os ouvidos ouviram, nem o coração humano imaginou (Is 64,4) tais são os bens que Deus tem preparado para aqueles que o amam". (1 Cor 2,9)

A corruptibilidade das coisas da vida deve nos convencer de que Deus quer para nós uma vida muito melhor do que esta - uma vida junto dEle. E, para tal, Ele não quer que nos acostu­memos com esta, mas que busquemos a outra com alegria, onde não have­rá mais sol porque o próprio Deus será a luz, e não haverá mais choro nem lágrimas.

Aqueles que não crêem na eternidade jamais se confor­marão com a precariedade desta vida terrena, pois sempre so­nharão com a construção do céu nesta terra. Para os que crêem, a efemeridade tem sentido: a vida "não será tirada, mas transformada"; o "corpo corruptível se revestirá da incorrupti­bilidade" (cf. 1Cor 15,54) em Jesus Cristo.

Santa Teresinha não se cansava de exclamar:

"Tenho sede do Céu, dessa mansão bem-aventurada, onde se amará Jesus sem restrições. Mas, para lá chegar é preciso sofrer e chorar; pois bem! Quero sofrer tudo o que aprouver a meu Bem Amado, quero deixar que Ele faça de sua bolinha o que ele quiser."

São Paulo lembrou aos filipenses: "Nós somos cidadãos do Céu!. É de lá que também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo. Ele transformará nosso corpo miserável, para que seja conforme o seu corpo glorioso, em virtude do poder que tem de submeter a si toda a criatura". (Fl 3, 20-21)

A esperança do Céu e da sua glória fazia o Apóstolo dizer:

"Os olhos não viram, nem ouvidos ouviram, nem o coração humano imaginou (Is 64,4), o que Deus tem preparado para aqueles que o amam" (1 Cor 2,9).

E essa esperança lhe dava as forças necessárias para vencer as tribulações: "Tenho para mim que os sofrimentos da vida presente não têm proporção alguma com a glória futura que nos deve ser manifestada". (Rom 8,18)

Este é o sentido das Cinzas.

Prof. Felipe Aquino



17 de fev de 2012

Os desejos do nosso coração

 
“Põe tuas delícias no Senhor, e os desejos do teu coração ele atenderá.”Sl 36,4


Muitas vezes, quando lemos esse versículo do salmo, pensamos que ao colocarmos no Senhor a nossa alegria e gratidão, Ele vai atender nossos desejos e realizar nossos sonhos e, muitas vezes, Ele faz isso mesmo. Mas, o que esse versículo expressa é muito mais do que apenas isso. Não se trata aqui de nos alegrarmos no Senhor e depois fazer tudo o que queremos, é muito mais bonito e mais profundo do que isso. Se nós colocarmos nossas delícias no Senhor, se fizermos Dele a alegria da nossa vida, então Ele mudará o nosso coração para que os nossos desejos se tornem os Dele. Em outras palavras, Ele colocará seus desejos em nosso coração. Nós precisamos disso na nossa vida, pois os nossos desejos, às vezes, são vãos, são gerados pelo pecado em nós ou são limitados e pequenos.
Os desejos do Senhor para a nossa vida são perfeitos, porque fazem parte do seu plano de amor para nós. Eles são infinitamente superiores e mais bonitos do que tudo o que podemos imaginar, como nos diz a passagem em Isaías 55, 8-9: Pois meus pensamentos não são os vossos, e vosso modo de agir não é o meu, diz o Senhor; mas tanto quanto o céu domina a terra, tanto é superior à vossa a minha conduta e meus pensamentos ultrapassam os vossos.
Li, certa vez, um testemunho bonito de David Mangan sobre esse versículo bíblico. Ele é um dos que estavam em Duquesne naquele fim de semana do início da Renovação Carismática e até hoje ele continua cheio do Espírito, frequentando Grupo de Oração, pregando a Palavra de Deus e dando bom testemunho. David disse que esse versículo significa muito para sua vida pois enquanto ele se deliciava com o Senhor, buscando fazer sua vontade, se apaixonou por aquela que hoje é sua esposa. Então, conforme sua compreensão, o desejo, o amor que começou a sentir por ela foi colocado no seu coração pelo Senhor. Por isso, ele mandou gravar esse versículo nas suas alianças, para nunca se esquecer de quem sua esposa é para ele: desejo de Deus colocado no seu coração.
Que possa ser assim também conosco. Coloquemos todo o nosso amor, o nosso louvor, a nossa confiança no Senhor, passando todos os dias um tempo em oração com Ele, deliciando-nos na sua presença e deixemos que Ele vá colocando os seus desejos no nosso coração e teremos assim a nossa vida grandemente abençoada.
Maria Beatriz Spier Vargas
Secretária-geral do Conselho Nacional da RCCBRASIL

15 de fev de 2012

Lançamento: Via Sacra para crianças


livro via sacra para crincas


Todo ano na quaresma eu ficava pensando em alguma maneira de trabalhar a Via Sacra com as crianças, hoje vi que a Canção Nova está com um lançamento: o livro “Via Sacra para Crianças”!
Com lindas ilustrações e uma linguagem simples, foi desenvolvido especialmente para que as crianças vivam com Jesus o seu caminho de Paixão, Morte e Ressurreição.
 
Você pode adquirir este produto na loja virtual da Canção Nova, é só clicar no livro que está acima para saber mais.

13 de fev de 2012

Daniel na cova dos leões

A Lilian, do blog FOFURINHAS DA LILIAN, fez esse kit de Daniel na cova dos leões, ficou lindo, né? Está aí a idéia para contarmos essa maravilhosa história bíblica.